segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Rainha da zebra - a volta dos que não foram

Que eu sou muito desastrada todo mundo sabe. Que as coisas mais bizarras sempre acontecem comigo também não é novidade. O que ninguém sabe é que fazia um tempinho que não rolava nenhuma das minhas trapalhadas... até semana passada.
Planejei a semana inteira de ir à praia na sexta (folga \o/)... sexta chegou e trouxe chuva com nuvens carregadas. Ok, deixa a praia pra amanhã.
Daí fui pro computador, já que não tinha nada pra fazer... bati o joelho na quina da mesa e ganhei um machucado. Fui lavar meu cabelo, derrubei o vidro de shampoo no chão. Saí pra beber com minha amiga, e esqueci meu cartão na bolsa dela. Tá bom, sexta não foi meu dia... quem sabe sábado?

Sábado chegou com um dia lindo... Eba!!! Praia! 
Ah, que bom... roupas na lavanderia. Peguei uma saia e uma blusa qualquer mesmo, o importante era sair de casa logo.
Fui resgatar meu cartão e encontrar os amigos em Ipanema. Chegando lá, me larguei na cadeira e colocamos o papo em dia. Hummm, com esse calor, nada melhor do que um copão de limão com mate. Comprei a bebida, e quando fui colocar no chão, o copo virou. Ok, nem queria beber nada mesmo. 
A noite, tinha um aniversário de um amigo pra ir... Fui fazer alguma coisa pra comer antes de sair e ganhei uma linda queimadura no braço, pra fazer conjunto com a queimadura de ferro que eu já tinha. Foda-se a queimadura, vamos pro aniversário.
Peguei um taxi e o taxista conseguiu arrumar uma briga no trânsito. Até sair do carro pra tirar satisfação com o carro da frente rolou... Barraco meeeesmo! Eu que sempre fujo de confusão, larguei o dinheiro da corrida no banco do taxista e troquei de carro antes que ele percebesse. Chega de azar, quero me divertir no aniversário. E me diverti como nunca, porque depois de tanta merda eu merecia.
Daí acordo no domingo, ressaca. Muiiiita ressaca. Fui levantar da cama, tropecei no edredon e caí. Ok, eu ainda estou meio grogue... Preciso de água! Fui pegar a garrafa de água, ela despencou da minha mão e molhou o chão. Ótimo, nem queria água mesmo. Fui ligar a TV, a NET tava sem sinal... 

Enfim, pelo jeito, a Rainha da Zebra está de volta com tudo. Beijos.

8 comentários:

mãe da Priscila disse...

Tadinha da minha filha, acho melhor você vir para minha casa que eu cuido de você,beijinhossss

Priscila Freitas disse...

hahahahaha... agora minha mãe aprendeu a comentar... FUDEU!

Gui disse...

To no mesmo dilema, a diferença é que minha mãe nao é tao legal e moderna quanto a sua .....
bjs

Bem Resolvida disse...

caraca, eu achava que era destrambelhada....vc me barrou bonito!!
rs

Rafa(guapinha) disse...

eu?? desastrada??? perto de você eu sou uma iniciante!!!! huahuahua

fabioricardo disse...

Isso é que é final de semana sem sorte...

Shelley Miretzki disse...

Adoooorei seu blog... Dei altas risadas lendo... Me identifiquei muito com alguns posts, sou super desastrada tb... Nunca sei de onde surgiram os roxos nas minhas pernas... heheheheh

Dani disse...

Nossa! nunca me identifiquei tanto com a história de alguém!
Olha esse 2008 tbm foi o ano das maiores mudanças na minha vida viu! E fala sério morar sozinha não é tudo!!! eu to amando! rs
Parabéns! e que 2009 sera maravilhoso!!!