terça-feira, 25 de novembro de 2008

Manual do "sai correndo"

Eis que chega sexta-feira a noite, e você está linda e maravilhosa, pronta para arrasar na night. Capricha na make up, passa o melhor perfume, bota a roupa que comprou mais cedo e sai de casa saracutiando... "I love the nightlifeee, I got to boogieeeeeee.... On the disco 'roooooound, oh yeeeeeeahhhh".

Daí você chega na buatchy, dá aquela olhada ao redor e analisa. Pega uma bebida, começa a dançar fazendo a social, vagarosamente... E quando mais álcool desce goela abaixo, mais você acelera o ritmo das coreografias. Quando você pára pra perceber, é praticamente a Beyoncé carioca. Tá tudo muito divertido, tudo muito legal. E é aí que SEMPRE surge algum cara querendo puxar assunto, ou tentando ir direto ao assunto.

E é por isso, minhas amigas, que fiz esse pequeno manual para que ninguém perca tempo com conversa furada ou com homens com potencial para mala sem alça. 
Com vocês, o MANUAL DO SAI CORRENDO:

Cena: Você está dançando com suas amigas na boate e percebe um ser se aproximando, com olhos famintos de interesse em você. 

1 - Ele chega perto, te olha no fundo dos olhos e diz: "OI.........."(vc: Oi) ............. (silêncio)
Continua em silêncio só de sacanagem... pode sair andando mesmo, nessa lerdeza não precisa correr não.

2 - Ele chega perto, e não tira os olhos de dentro da sua blusa...
Faz de boba e dá uma corridinha esperta, porque esse aí tem pinta de maníaco do parque.

3 - Ele chega perto, puxa assunto e tal. Até aí tudo bem, mas ele é muuuuuuito chato.
Fala que vai no banheiro rapidinho, coisa de um minutinho e tal. Chega na porta do banheiro, manda uma msg de texto para as amigas solicitando mudança estratégica de localização na boate.

4 - Ele chega perto, já dançando... começa um Hip Hop, ele chacoalha o quadril, dá umas reboladinhas. Começa o funk, ele rebola até o chão na velocidade 5 do Créu.
Eu já teria saído correndo na hora do Hip Hop. Mas se você esperou até o créu, aproveita e corre na velocidade 10, igual esteira de academia.

5 - Ele está vindo... tipo bombadinho e sem camisa.
Espera ele chegar perto. Daí grita "MIM CHITA, VOCÊ TARZAN" e corre. 
Corre bastante que esses descamisados costumam andar em grupo. E descamisado sempre é amigo de descamisado.

6 - Ele chega junto e diz: "Oi gatinha...."
Pode correr que esse aí tem maior pinta de metralhadora, sabe? Já chamou umas 40 de gatinha, daí não pegou ninguém e tentou você, porque tava com cara de bêbada.

7 - Ele puxa papo, mas  só tem um assunto: EU, MEU carrão, MINHA casa de praia, MINHA carreira, MEUS projetos, etc etc etc.
Ou não tem nada disso, ou tem ejaculação precoce, ou é bem pequeno. Por via das dúvidas, corre.

8- Ele chega perto e puxa papo, mas é nítido que ele está olhando pra qualquer ser de saia que passar por vocês.
Dá aquela virada estratégica, jogando os cabelos e sai andando rebolando. Não gasta salto correndo não, esse aí nem oferece perigo.

9 - O carinha chega bem perto de você e diz: "E AÍ, COLEGA?"
Nem escuta o resto.... CORRE MUITO, PRA BEM LONGE!!!!! Se esconda embaixo do DJ, sei lá. 

10 - E se ele disser: "E AÍ NÉÉÉÉM? TAVA TE OLHANDO DE LONGE, TU É GATA, HEIN? TÔ ALUCINADO NA TUAS TETA, MÓÓÓ FARTURA!"
Corre do tipo MARATONISTA... larga o salto pra trás de for preciso!! Garanta sua segurança mental!


Por hoje é só! Quem tiver mais dicas para acrescentar no nosso Manual, deixe nos recados. 
Em breve, mais dicas para vocês! Beijão.

14 comentários:

Eduardo Wöetter disse...

Não vou nem perguntar que tipo de antro você anda freqüentando...

Oi...

Bruno Silva disse...

Por fim, o ser mais interessante é sempre aquele que fala: "Oi, você vem sempre aqui?"

Não fuja do clássico. Ele sempre funciona. hehehehe

Beijos, Pri!
Bruno Silva
http://ladobdocassete.blogspot.com

iara disse...

eu ria tanto quando passei aqui de madrugada que num dei conta de comentar....

a minah preferida foi...

Eu já teria saído correndo na hora do Hip Hop. Mas se você esperou até o créu, aproveita e corre na velocidade 10, igual esteira de academia.

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

simijei.

disse...

Adorei!
kkkk
Simijei [2]
Beijas!!!

disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bridget Jones disse...

Pri, gata!

Na hora do "E ai, colega?" juro que eu fa-le-ci duas vezes!

Adoro a balada noturna e seus seres com todo seu loosho e esplendor "gramuroso".

Beijos
BRID

Anônimo disse...

Priiiiiiiii, hahhahhaaa, vc é ótima! Percebi que eu já tinha consciencia de alguns tópicos e faço deles uma presença indispensável na minha "vida balada"!!! hauahuaa, Amei!

Bem Resolvida disse...

Por isso que eu prefiro baladas gay!! Ninguém vem me pentelhar e se tiver uma gatinha ainda faço minha noite!!
uahuahauahauahauahau

Anahi disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!Faltou o cara que é mudo!!Aquele que olha olha mas nadaa!!Porra é uma situação da zorra!!bjs !! Adorei!

Gustavo Giudicelli disse...

Vcs mulheres sao tao más... :(

Mas ae, vc nao deu as dicas do q da certo... da uns toques ai, po :p

Nilson disse...

malvadas hein?

Mas bem que podia fazer o manual do VEM correndo rsrsrs

Seus leitores do sexo masculino vão adorar.

adorei o blog

bjos

Anônimo disse...

Olá!
Participo da comunidade de trainees, no orkut, e achei seu perfil (e o blog) lá.
Faz um post sobre abordagens que funcionam na balada! Não sou ruim de papo quando já conheço ou fui apresentado pra garota...Mas qdo conheço na balada, admito que mando malzão!

Beijos, e parabéns pelo excelente blog!

Gurizinho disse...

O Gustavo falou tudo, só falou em sair correndo dos caras e nada de dizer o que funciona...

Priscila Freitas disse...

Aguarde que em breve farei um guia para aproximação! \o/